Blog

Ep#6 – Os 20% que vão te dar 80% dos resultados na sua saúde

No podcast de hoje falamos sobre o 20% que vai te dar 80% de resultados para que você também possa recuperar sua saúde e se sentir bem e energizada TODOS OS DIAS!

00:48 - O que exatamente você precisa?
02:04 - A busca por uma melhora na saúde
06:38 - Grande resultados com pequenas mudanças
09:54 - Tem coisas que vêm com a idade mesmo?
14:57 - Como alimentar o corpo da maneira certa
19:32 - Um desafio para você...

Transcrição do Áudio

[Tammy]

Buenas, buenas.

[Laura]

Bom dia, boa tarde, boa noite, eu não sei em que horário vocês estão, aqui estamos de manhã, dia de  San Javier um dia lindo, dia da primavera começando, gravando esse podcast no dia da primavera, não sei quando vai sair, mas já esse ar de primaveral está aqui, pelo menos aqui onde estamos, a Tammy estava falando que no Brasil não é muito comum, não se comemora, mas aqui sim, é um dia muito importante quando as coisas que fomos criando durante o inverno nesse período de estar para dentro, começa a florescer, a florir, e começa a se expressar.

O que exatamente você precisa? (00:48)

[Tammy]

E aproveitando esse dia especial por aqui, vamos falar um pouco sobre o que exatamente você precisa, se você está buscando mais energia, você está querendo realmente conseguir florir.

Conseguir dar conta de todas as coisas que você tem na sua agenda, você está querendo, você quer ter mais disposição pela manhã, você quer se sentir com mais energia, mais saudável, mais radiante, tem uma coisa que precisa ser feita antes de tudo, que deve ser feito antes de tudo, porque é o que vai te dar mais resultado, e hoje vamos falar exatamente para você o que é essa uma coisa, a única coisa, que é onde você precisa se focar para realmente ter mais resultados.

A busca por uma melhora na saúde (02:04)

[Laura]

E eu sou uma apaixonada por essa única coisa, porque foi essa única coisa que me devolveu a vida literalmente. Eu já falei sobre a minha história mas no passado, eu estava com 35 anos, há dez anos, um pouco mais na verdade, nem chegava aos 35, e estava com enxaquecas debilitantes, sem energia, com sinusite crônica, com problemas digestivos crônicos, procurando o que estava acontecendo de errado comigo, o que está acontecendo, o pode ser o que com 35, trinta e tantos anos eu esteja desse jeito, e um dia lendo um livro da Louise Hay ela falava de como ela tinha curado um câncer de útero, entre outras coisas que ela tinha feito, com alimentação. E falei: “Ei, espera aí.” Depois de ter visitado tantos médicos, que todos falavam que estava tudo bem comigo, que não tinha nada físico, mas as dores continuam em minha vida miserável. Eu falei: “Será que isso que estou fazendo pelo menos três vezes por dia, que era me alimentar, estava causando todos esses sintomas.” Para fazer a história curta, resumida, era mesmo.

Mudei a minha alimentação, fui estudar nutrição holística, antes de estudar nutrição holística no Canadá, eu estudei nutrição na Argentina, que foi mais frustração ainda, porque fazendo aquilo que falava na faculdade, que deveríamos fazer, meus sintomas pioraram ainda mais, e depois de ter uma oportunidade, eu fui para o Canadá e achei um mundo novo, uma abordagem completamente diferente que foi a nutrição holística, e aprendi o que era certo, qual era a alimentação certa para o ser humano, para o ser humano funcionar bem, e foi aí que a minha vida mudou e virei uma apaixonada, e uma obcecada, pela alimentação certa porque muda tudo, quando você muda sua alimentação o resto da sua vida muda, mas tem uma coisa muito importante que é fazer do jeito certo, como eu falei, na própria universidade estão ensinando coisas que estão piorando meus sintomas, e é isso que ainda é ensinado, e ainda que as mídias sociais e os meios de comunicação, e muitos profissionais da medicina e da nutrição ainda recomendam, e são essas dicas que estão fazendo com que hoje tenhamos a maior quantidade de doenças crônicas, e a maior quantidade de pessoas estressadas, deprimidas, obesas, diabéticas e com câncer do que nunca na história da humanidade.

[Tammy]

E eu teria sido uma dessas pessoas, mais um número nessa estatística, se eu não tivesse conhecido a Laura. Eu também em outra oportunidade, em outra ocasião, em outro episódio, já contei um pouco da minha história, eu digo que a Laura, salvou a minha vida, e literalmente porque eu, talvez eu não tivesse a persistência dela de buscar a coisa certa, e talvez eu não soubesse qual era a coisa certa, eu fui estudar como a minha mente funcionava, e foi muito importante isso para mim, mas enquanto eu não mudei a minha alimentação, eu não tive um salto nos meus resultados como eu tive quando eu mudei a minha a minha alimentação. Na verdade eu tive a sorte de conhecer a Laura, de ter a proximidade com a Laura, e de ter ela do meu lado segurando a minha mão, me mostrando o caminho, me dizendo o que era, por onde eu deveria ir, foi no momento da minha vida onde eu realmente estava, eu tinha muito pouca energia para as coisas, eu não tinha, acordava sem disposição e eu precisava de mais energia, não era nem que eu estava querendo mais energia, mas eu estava precisando porque senão não dava conta dos dois trabalhos que eu tinha, enfim, de tudo que eu tinha na minha vida nesse momento.

Grande resultados com pequenas mudanças (06:38)

E foi uma diferença muito grande os resultados que eu tive, foram impressionantes para mim para todo mundo que estava em minha volta, porque em muito pouco tempo eu já consegui sentir os resultados, com pequenas diferenças, pequenas alterações, mudanças que eu fiz na minha rotina alimentar, que não foram complicadas e eu digo mais uma vez, não foram complicadas e não podiam ser complicadas, porque eu não tinha tempo, eu não tinha esse tempo extra, eu tinha dois trabalhos como eu disse. Então eu não tinha tempo extra para ficar na cozinha e preparar tanto, fazer tantas coisas complicadas, eram coisas simples que realmente fizeram uma grande diferença em muito pouco tempo, em um mês, em dois meses eu já era uma pessoa completamente diferente, agora em uma semana, em dez dias eu já tinha mudado os meus níveis de energia, foi óbvio, foi muito perceptível no meu corpo, e não só para mim, como eu disse, outras pessoas começaram a ver isso também, então dizemos é que, a alimentação, existem vários fatores, existem várias áreas que é necessário trabalharmos para atingirmos um nível de otimização da nossa saúde física, mental e emocional, mas a base e por onde devemos começar é a nossa saúde física, porque isso é o que vai dar vitalidade, vai dar energia que precisamos para continuar seguindo e para sim ter energia para mexer em todas essas outras áreas.

[Laura]

É inclusive falamos, mudar a alimentação é o 20% que vai te dar os 80% dos resultados, é muito simples para funcionarmos, para o nosso corpo funcionar, para o nosso corpo ter energia, a nossa mente ter energia, precisamos dar para esse corpo, essa mente os nutrientes certos, e ter a alimentação certa, quando você tem essa base, todo o resto na tua vida vai mudando aos poucos, estamos vendo isso no nosso programa, no nosso Método ALI-MENTE, em 30 dias, as mudanças são impressionantes, mas em uma semana você já começava a ver esses resultados na energia, na maneira como você dorme, no seu humor, na sua pele, no seu estado de espírito mesmo, porque se você está poluindo o seu corpo, o que você estará irradiando é isso que você precisa focar primeiro, primeiro do que nada, depois tem mais um monte coisas, obviamente não adianta ter a melhor alimentação no mundo e ficar estressado porque isso vai atrapalhar tudo, mas quando você tem essa base da alimentação sólida muito menos probabilidade você vai ter de ficar super estressado, de uma maneira descontrolada, não ter como voltar desse estresse, ao equilíbrio rapidamente ou estar de bom humor enfim, os impactos são infinitos.

Tem coisas que vêm com a idade mesmo? (09:54)

Alexandra, por exemplo, a nossa aluna do ALI-MENTE, mudando a alimentação, não somente ela já perdeu acho que são dez ou 12 quilos, não lembro exatamente, mas começou a fazer a atividade física, tem o melhor relacionamento que ela teve até agora com o marido, é um casal novo, uma melhor mãe, para o mundo ela tem outra atitude, então eu falo isso não só porque aconteceu comigo, ou aconteceu com a Tammy, mas aconteceu com centenas dos nossos alunos e continuam acontecendo, e não tem segredo, não tem segredo nenhum, quando você dá para o seu corpo a alimentação certa, mas tem que ser alimentação certa porque está cheio mito por aí do lado de fora e as pessoas sofrem, especialmente se você já chegou nos 40, estão entrando nos 40, você começa a caminhar numa nova, se chama uma nova primavera no Japão, esse caminho não tem que ser de sofrimento, não temos como não envelhecer, todo mundo vai envelhecer, mas sofrer é opcional gente, e isso tem que ser uma mudança que você precisa fazer hoje, e não amanhã quando você chegar lá e já tenha perdido um bom tempo de poder ter se sentindo bem, se sentido na primavera na sua vida.

[Tammy]

Radiante. Isso que a Laura está falando é muito importante porque eu por exemplo não tinha noção, quando eu conheci a Laura tinha 35 anos, e eu não tinha absoluta nenhuma noção de que eu estava no momento da minha vida onde o meu corpo começava a declinar, isso é realidade gente, não temos muito para onde fugir, não dá para fazermos diferente é assim que funciona, é assim que o nosso corpo funciona, aos 35 chegamos ao topo e onde começamos a declinar. E a partir daí, o nosso corpo começa a “quebrar”, vamos dizer assim, ele começa a diminuir o funcionamento, a produção de hormônios, ele começa a perder musculatura por exemplo. Então tudo o que ele até os 35 ele fez, o corpo é feito para trabalhar uma forma otimizada.

[Laura]

Até esse momento você podia comer qualquer coisa, qualquer besteira e seu corpo ia lidar com isso, porque seus hormônios estavam lidando com aquilo, mas depois dos 35, é você que tem que tomar o comando e ser muito estratégica no que você faz com a sua alimentação e seus hábitos, porque se você não fizer a coisa certa, você literalmente vai sofrer nesse caminho para segunda primavera, menopausa, perimenopausa, entre outras.

[Tammy]

E mesmo falando antes disso, porque às vezes pensamos: “mas não estou nem pensando nisso, está longe”. É mesmo antes disso, é onde isso começa a refletir, é nisso que a gente está dizendo, começa a energia e não tenho tanta energia como eu tinha antes, talvez eu não esteja mais tão ligada, tão sharp. A minha mente não está fluindo tanto, não está tão inflow como era antes, não tenho tanta disposição, talvez seja mais difícil eu eliminar aqueles quilos extras, eu começo a perceber que meu corpo vai mudando.

E tem uma coisa importante aqui que é fundamental termos em mente, as mulheres e os homens são diferentes, então tudo que existe por aí, foi feito com base em estudos que foram feitos com base em homens abaixo dos 35 anos ou seja, melhor funcionamento, o corpo em desenvolvimento e homens que não têm flutuação hormonal que nós mulheres temos, então é fundamental levarmos em consideração que primeiro, temos hormônios diferentes, que tem um ciclo e tem uma flutuação ao longo desses 28 dias, e segundo que o nosso corpo depois dos 35 começa a trabalhar de outra forma e fica mais difícil para ele trabalhar e se a gente não apoia ele, se não ajudamos ele da maneira certa, sabendo que existe uma flutuação hormonal, sabendo que existe uma mudança de humor mesmo, existe uma mudança física fisiológica acontecendo.

Como alimentar o corpo da maneira certa (14:57)

[Laura]

A mulher é cíclica, o homem é linear, então precisamos acompanhar o corpo nessa necessidade. Agora não precisa ser uma tortura, uma coisa difícil para que possamos sustentar essa alimentação certa e que possamos alimentar o nosso corpo da melhor maneira, tem que ser fácil, tem que ser simples. Claro que se alimentar leva um tempinho, quisermos ter uma empresa e nunca ir trabalhar não vai funcionar, a mesma coisa acontece com nosso corpo, quando precisamos dar um mínimo de atenção para que ele funcione do jeito certo.

Mas tem que ser simples, se não, não é sustentável, tem que ser simples, tem que ser baseado em comida de verdade e não em produtos alimentícios que não tem nutrientes nenhum e pelo contrário tem coisas que atrapalham no funcionamento do corpo e tem que ser densamente nutricional, ou seja, que grama por grama, caloria por caloria, tem que ter a maior quantidade de nutrientes possíveis.

E isso é fundamental, e você não precisa estar todos os dias na cozinha, uma hora cozinhando. Qual nosso passo a passo? Condensamos momentos na cozinha onde preparamos um alimento e vai fazer que sobre para outras refeições. Então temos aqui os domingos por exemplo, são os nossos dias que talvez preparamos mais alimentos, por ter mais tempo, mais relaxado entre as duas. Você pode trazer a família para cozinha.

[Tammy]

Fazer com que seja divertido, colocar uma música.

[Laura]

Por exemplo, cozinhamos um frango inteiro e esse frango inteiro vai durar para mim semana toda e você vai dividir esse frango, mesma coisa com uma carne, uma carne de panela, com peixe. Você faz o pedaço inteiro e aí você tem comida para semana toda, depois as verduras, os vegetais você lava, separa, e quando você vai comer não leva mais do que 10 minutos.

No Programa ALI-MENTE, a gente tem uma matriz, onde temos todos os alimentos, que são densamente nutricionais, basicamente, carnes, peixes, ovos, frutas, legumes, verduras, comida de verdade que você vai combinando do jeito certo para te manter sustentado, nutrido e com a cabeça clara e sem ficar com sono depois do almoço, e você perder horas de produtividade.

[Tammy]

Isso é bem interessante que a Laura está falando, eu por exemplo, vou falar de mim. Antes de conhecer a Laura e antes quando eu era gordinha e sempre tive problema de peso, eu pensava que eu precisava fazer dietas e que dieta era me privar, e dieta era sentir fome e na verdade, uma das coisas que não acontece no Método ALI-MENTE é isso, essa sensação de fome, essa sensação de estar se privando demais das coisas e ficar com fome mesmo, na verdade isso não acontece, porque é uma sensação de saciedade.

Porque isso acontece? Porque você está colocando nutrientes.

[Laura]

Comida de verdade, alta densidade nutricional, combinados do jeito certo.

[Tammy]

Essa é a base do Método ALI-MENTE, e como falamos, funciona e te dá resultados diferentes, pessoas diferentes tiveram resultados diferentes. Independentemente de ser o Método ALI-MENTE, simplesmente estamos falando aqui de você ter uma alimentação certa, funciona, te dá resultados diferentes dependendo do que você precisa, tem gente que emagrece, a Laura falou de uma aluna que emagreceu, que sentiu tanta clareza mental, mudou tanto a mente dela, deixou de ser uma mente turva, ela começou a conectar as coisas melhor, tanto que antes ela se considerava não muito inteligente e agora ela está estudando o mercado financeiro, para vocês terem uma ideia.

Um desafio para você… (19:32)

Então esse nível de mudança acontece quando você foca na base, quando você foca na alimentação, então a pergunta que a gente quer deixar para você hoje é: O que falta para você realmente colocar o foco nisso, colocar o foco nessa base, colocar o foco nesses 20% que vão te dar 80% do resultado, nesses 20% que vão dar a diferença, o resultado que vai fazer com que você saia do lugar onde você está hoje, que não é o lugar talvez que você queira ou não é o lugar que você sabe que pode estar e você chega esse lugar onde se sente radiante, confiante, linda, maravilhosa, cheia de energia saudável para conquistar o mundo para ter a vida que você deseja.

Quando agora é um bom momento para você focar nisso? Se você acredita que essa é a solução, então faz já, se você não acredita, eu vou deixar uma sugestão, experimenta fazer durante um tempo, como dissemos, se você fizer do jeito certo, em pouco tempo você consegue ter resultado, em uma semana, 10 dias você já consegue sentir a diferença, em 30 dias é ainda maior.

Se você acredita que essa é a solução e quer a nossa ajuda, temos o Método ALI-MENTE, se você não quer a nossa ajuda, faz de qualquer maneira, coloca o foco nisso, pela minha experiência, pela experiência da Laura, podemos dizer que funciona e faz toda a diferença do mundo, vai lá e faz e nos conta qual foi o seu resultado.

Quer ter MAIS ENERGIA?

Cadastre-se e receba nossas DICAS, DESAFIOS e OPORTUNIDADES para melhorar a performance
e estar em forma para o sucesso.

Curtiu? Então, compartilha! 👇

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!